sexta-feira, 15 de novembro de 2013

A Suíça de Todos

Em alta depois de conquistar vaga para a Copa do Mundo de 2014 e também após conquistar uma vitória num amistoso contra a Seleção Brasileira, a Seleção Suíça de futebol tem uma peculiaridade muito interessante. Como país tradicionalmente neutro em relação aos conflitos mundo a fora, a nação recebeu, e recebe uma grande quantidade de estrangeiros fugindo de conflitos em seus países. Isso tornou a Seleção de futebol do país, uma equipe “cosmopolita”. Trago uma breve relação de jogadores que defendem o selecionado suíço e possuem as mais diversas origens.




Jogadores importantes convocados recentemente para a Seleção:

Jogador: Timm Klose – Zagueiro – Wolfsburg-ALE

Origem: Alemanha

História: Timm Klose, zagueiro que atualmente milita no Wolfsburg, é filho de pai alemão e mãe Suíça. Nascido em Frankfurt na Alemanha, morou no país até os cinco anos de idade, quando se mudou para a Suíça. Lá se profissionalizou no Basel II e fez a opção pela Seleção Suíça de Futebol.

Jogador: Ricardo Rodríguez – Lateral Esquerdo – Wolfsburg-ALE


Origem: Chile e Espanha

História: O lateral esquerdo Rodríguez do Wolfsburg nasceu na Suíça, mas além da nacionalidade de seu país de nascimento ele também tem passaporte chileno e espanhol. Seu pai é espanhol e a mãe chilena. Apesar da origem latina o atleta desde cedo fez a opção pela seleção suíça pela qual estreou na condição sub-17.





Jogador: Valon Behrami – Volante – Napoli-ITA

Origem: Albânia

História: Nascido no Kosovo, Behrami mudou-se para uma colônia italiana na Suíça aos cinco anos quando seus pais ficaram desempregados na sua cidade natal, Mitrovica, então Iugoslávia. Apesar de ter se profissionalizado na Suíça, o atleta fez carreira na Itália, atuando ainda na Inglaterra pelo West Ham.

Jogador: Blerim Dzemaili – Volante – Napoli-ITA


Origem: Albânia

História: De origem albanesa, Dzemaili nasceu na Macedônia, de onde imigrou para a Suíça aos quatro anos, num momento um tanto crítico para a Iugoslávia. Na Suíça se profissionalizou e tal como Behrami fez carreira na Itália.




Jogador: Granit Xhaka – Meia Central – Borussia Monchengladbach-ALE

Origem: Kosovo

História: Nascido em Pristina no Kosovo, Xhaka e sua família se mudaram para a Suíça quando o atleta era ainda muito novo. Apesar de ter se profissionalizado no Basel e atuar pela Seleção Suíça, não esconde que seu coração é Kosovar e, se tivesse a chance, optaria por defender a Seleção do seu país natal.

Jogador: Ghökan Inler – Volante/Meia – Napoli-ITA


Origem: Turquia

História: Diferentemente da maioria dos aqui citados, a origem de Inler é turca. Apesar disso, o jogador nasceu na Suíça e nunca teve dúvidas quanto à Seleção que escolheria para atuar. Após um início de carreira no Basel, ele passou pelos também suíços Aarau e Zurich, até que chegou ao futebol italiano onde tem marcado sua história com excelentes temporadas por Udinese e Napoli, seu clube atual. Inler é também o capitão da Seleção.



Jogador: Xherdan Shaqiri – Meia-atacante – Bayern de Munique-ALE

Origem: Kosovo

História: Nascido em Gnjilane, no Kosovo, Shaqiri mudou-se muito jovem para a Suíça. Com o medo crescente em relação à situação da Iugoslávia, seus pais optaram por uma mudança para a neutra Suíça. Lá o garoto, que é tido como a maior esperança da Seleção Suíça, se desenvolveu e profissionalizou no Basel. Apesar disso tal como Xhaka, Shaqiri nutre o desejo de atuar pelo Kosovo, e nunca se esqueceu de suas origens, atuando com chuteiras com as bandeiras da Suíça, da Albânia (origem de sua etnia) e do Kosovo.

Jogador: Admir Mehmedi – Atacante –  Freiburg-ALE


Origem: Macedônia

História: Assim como Shaqiri, Dzemaili, Xhaka e Behrami, Mehmedi tem origem albanesa. E tal como eles, a família optou pelo exílio em favor da segurança de suas vidas. O atleta começou no FC Zürich. Apesar da etnia albanesa o atleta nasceu na cidade de Gostivar, território localizado atualmente na Macedônia.





Jogador: Mario Gavranovic – Atacante – FC Zürich

Origem: Bósnia e Croácia

História: Mario Gravanovic nasceu na Suíça. Mas sua família mudou-se para o país apenas um ano antes de seu nascimento. Mais uma vítima dos problemas ocorridos na Iugoslávia no final do século XX, Gravanovic é filho de pais bósnios-croatas. O jogador começou a carreira no Lugano e acaba de retornar ao seu país natal após uma má sucedida passagem pelo futebol alemão.

Jogador: Haris Seferovic – Atacante – Real Sociedad-ESP


Origem: Bósnia

História: A exemplo de Gravanovic, Seferovic é suíço, filho de pais bósnios que se mudaram para a nação neutra fugindo dos terrores que se passavam na Iugoslávia. Após um promissor início no Grasshopper e nas seleções de base da Suíça, Seferovic foi vendido para a Fiorentina, onde não se deu bem. Ele acaba de assinar com a Real Sociedad onde vive boa fase.



Outros jogadores convocados recentemente:

Jogador: Johan Djourou

Origem: Costa do Marfim

Jogador: Gelson Fernandes

Origem: Cabo Verde


Jogador: Pajtim Kasami

Origem: Albânia


Jogador: Innocent Emeghara

Origem: Nigéria



Jogador: Josip Drmic

Origem: Croácia



Jogador: Eren Derdiyok

Origem: Curdistão



Jogador: Nassim Ben Khalifa

Origem: Tunísia

2 comentários :

  1. nem sabia que o curdistão existia.deve ser um páis novo que fica dentro da moldavia,do pode.

    ResponderExcluir
  2. O Curdistão não é um país mesmo não, é só uma região e também uma etnia (o povo curdo). Está situado na região da Turquia, Irã, Iraque e Armênia, dentre outros países.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...