sexta-feira, 14 de agosto de 2015

O ótimo mercado do Sevilla

Bicampeão, em sequência, da Europa League, e tetracampeão, contabilizando a outra dupla de conquistas de meados da primeira década do século XXI, o Sevilla vem, há muitas temporadas, lidando com uma realidade contra a qual não é possível lutar. O clube se destaca, seus destaques ganham olhares cobiçosos do mercado e são vendidos por preços nada módicos. No passado, foi assim com Júlio Baptista, Daniel Alves e Sérgio Ramos, por exemplo. No presente momento, Carlos Bacca é quem representa esse quadro. Não obstante, como em anos anteriores, o clube fez um bom mercado e promete continuar forte, uma verdadeira pedra no sapato dos gigantes espanhóis.



A reposição das poucas perdas relevantes

Após uma última temporada de sucesso, o clube alvirrubro perdeu três peças de real importância para a equipe: Carlos Bacca, Aleix Vidal e Stéphane Mbia, que seguiram, respectivamente, para Milan, Barcelona e Trabzonspor. O trio de titulares rendeu aproximadamente £34 Milhões aos cofres sevillistas.

Assim, com dinheiro no bolso, o time se voltou para o mercado de transferências e fez uma verdadeira “feira”. Não obstante, no que tange à reposição de peças importantes, o Sevilla fez bons negócios.

Para o centro do ataque, o clube andaluz aposta suas fichas em Ciro Immobile, que fracassou no Borussia Dortmund e, por isso, chega por empréstimo. Com um passado que atesta a boa técnica e o faro de gol do italiano, sua chegada representa uma excelente oportunidade de mercado (o Sevilla tem, ainda, a opção de contratá-lo em definitivo ao final do empréstimo).

O meio-campo ganhou o importante e forte reforço de Steven N’Zonzi. Francês de 26 anos e porte físico curioso, sendo muito alto e magro, o atleta era o motor de um sólido meio-campo do Stoke City. Volante de pegada, mas com boa desenvoltura para a saída para o jogo, teve desempenho interessante na temporada 2014-2015. Nas partidas válidas pela Premier League teve 46% de aproveitamento de seus desarmes, recuperou 62% das bolas que tentou, teve sucesso em 68% das disputas aéreas, fez apenas 31 faltas e participou das 38 partidas de seu time. Além disso, acertou 85% de seus passes.

Já para a vaga de Vidal três são as novas possibilidades. Preferencialmente, pontas pelo lado esquerdo Gael Kakuta e Evgen Konoplyanka são opções para a ponta direita e, em certa medida, são até mesmo mais habilidosos que seu antecessor. Ademais, se considerarmos que o espanhol era opção para a lateral-direita, o clube também contratou um substituto, o brasileiro Mariano (foto), que se destacou muito no Fluminense e estava há algumas temporadas no Bordeaux.

O fortalecimento do elenco

O Sevilla lidou bem com suas perdas importantes, mas, mais do que isso, conseguiu aumentar seu leque de possibilidades no elenco, como um todo. Chegaram reforços importantes para todos os setores.

Ex-comandado de Unai Emery no Valencia, Adil Rami (foto, à direita) chegou para reforçar a zaga. Embora não tenha tido uma passagem muito feliz pelo Milan, o atleta já mostrou qualidades durante sua carreira e conta com a confiança do treinador. Para a lateral-esquerda, que perdeu o experiente e envelhecido Fernando Navarro, chegou Sergio Escudero (foto, à esquerda), que muito se destacou no Getafe.

Além disso, agora o meio-campo conta com mais um jogador de extrema utilidade: Michael Krohn-Delhi. Aos 32 anos, o dinamarquês não confirmou as expectativas do início de sua carreira, no Ajax. Todavia, nas últimas temporadas, em que atuou no Celta de Vigo, o atleta mostrou qualidades de controle de meio-campo e versatilidade, cobrindo uma grande gama de posições no setor. Já na estreia do time na temporada, ganhou um lugar no onze inicial.

Tais contratações reforçam a ideia de que o clube pode pensar em voos mais altos na temporada, pois tem agora um elenco melhor preparado para os muitos desafios que a nova temporada trará. Além disso, um detalhe chama muito a atenção: o saldo positivo das transferências sevillistas. As poucas saídas geraram mais de £36 Milhões aos cofres andaluzes, já as muitas entradas oneraram o clube em pouco menos de £25 Milhões, demonstrando a destreza da equipe no mercado.

O elemento Konoplyanka

Contratado a custo zero, junto ao Dnipro, justamente após perder a final da Europa League, o ucraniano Evgen Konoplyanka (foto) finalmente deu o salto de qualidade em sua carreira. Extremamente talentoso e provavelmente o melhor jogador de seu país na atualidade – juntamente com Andriy Yarmolenko – o jogador de 25 anos pode trazer ao Sevilla um diferencial especial, um acréscimo de qualidade importante.

Em seu último ano em seu país, Konoplyanka disputou 42 jogos, marcou oito gols e proveu sete assistências, tendo sido o capitão do Dnipro em várias ocasiões. Jogador que trabalha bem com os dois pés e pode atuar em qualquer função do meio-campo ofensivo, o ucraíno pode se tornar a grande referência técnica da equipe, o craque que nesse momento o time não tem. Embora seja um time com ideias e um estilo extremamente concatenados e coerentes, o Sevilla não tem um jogador que desequilibre partidas e garanta pontos só. Éver Banega, José Antonio Reyes e, até mesmo, Vitolo são ótimos jogadores tecnicamente, mas não são essa figura.

Em sua estreia, o atleta precisou de menos de 15 minutos para marcar seu primeiro gol com a camisa espanhola e dar seu cartão de visitas. Konoplyanka é, assim, o grande nome a ser acompanhado nesse novo Sevilla.

O jogo de estreia do clube andaluz na temporada mostrou que os comandados de Unai Emery estão “pilhados” para repetirem o bom desempenho de 2014-2015 e, quem sabe, fazerem um ano até melhor. A derrota por 5x4 contra o Barcelona, com uma recuperação impressionante (o time chegou a perder por 4x1) deu a tônica do que deveremos presenciar na Andaluzia em 2015-2016, um time novamente muito organizado e perigoso.



Atualização (27/08/2015)


Tem reforço novo na área do Sevilla! Fernando Llorente, centroavante ex-Juventus e Athletic Bilbao, chega sem custos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...