quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Promessa hoje, realidade amanhã?


2012 foi um ano em que o futebol teve o imenso prazer de contar com belos momentos de jogadores experientes, como Juninho Pernambucano, Zé Roberto, Ryan Giggs, Andrea Pirlo, Didier Drogba, e vários outros, que conseguiram manter um ótimo nível de exibições mesmo com o inevitável envelhecimento. Mas, melhor que presenciar mais do mesmo é conhecer e contemplar a ascensão de alguns jogadores. Se serão grandes estrelas no futuro? Não podemos afirmar com toda a certeza, mas no que depender de seu potencial... Aponto aqui os 20 jovens (sem fazer um ranking), que, para mim, tiveram a maior evolução no ano. Tanto técnica como de importância em seus clubes.





1-      Stephan El Shaarawy (Milan-ITA)

     20 anos. Italiano de ascendência egípcia tem sido uma das poucas alegrias do clube Rossonero. Com uma marca avassaladora na presente temporada, assumiu o protagonismo das ações em seu clube. São 14 gols e 3 assistências em 18 jogos. Presença assídua desde o fim da temporada 2011-2012 é absoluto hoje, e sua velocidade, oportunismo e grande técnica também o levaram à titularidade recente na seleção italiana.

Destaque: Habilidade e drible.

  

2-      Bernard Anício Caldeira Duarte (Atlético Mineiro-BRA)

     20 anos. Baixo para os padrões atuais de base, 1.64m, se mostrou grande neste ano. Abusado e detentor de boa habilidade, aperfeiçoou alguns fundamentos e tornou-se uma excelente ponta-esquerda. Tendo feito inclusive muitos gols (11 no brasileiro) e ocupando a segunda colocação no ranking de assistências do campeonato brasileiro, atrás apenas de Ronaldinho Gaúcho.

Destaque: Dribles em velocidade.


3-      Raheem Sterling (Liverpool-ENG)

      18 anos. Jamaicano naturalizado Inglês Sterling surpreende com sua personalidade. Ascendeu aos profissionais agora no início da temporada 2012/13 e já assumiu a titularidade dos reds. Leve e muito veloz é a alternativa pelo lado direito. Aos 18 anos já conta com 5 assistências no duro campeonato inglês. Além disso, já estreou pela seleção inglesa.



Destaque: Velocidade.


4-      Paul Pogba (Juventus-ITA)

      19 anos. Sem oportunidades no poderoso Manchester United, Pogba, meio-campista multifuncional francês de origem guineense, rumou para Turim nesse início de temporada. Num meio campo de grandes nomes como Marchisio, Pirlo e Arturo Vidal, não se esperava que um jovem fosse muito aproveitado. Acaba que, Pogba se tornou uma espécie de reserva de todos os meias da Juve. Na falta de qualquer um dos titulares é ele a alternativa. Elegância, passadas largas e toque refinado fazem desse jogador uma grande promessa. Já marcou inclusive gols na temporada, um deles muito importante contra o Napoli, então vice-líder do campeonato italiano.

Destaque: Visão de jogo, passe e movimentação.


5-      Matija Nastasić (Manchester City-ENG)

     19 anos. Recém chegado ao City vindo da Fiorentina, Nastasic, já conquistou muitos minutos de jogo. Ainda reserva de Kompany e Lescott, este zagueiro canhoto sérvio, na contramão de seu compatriota Savic que foi para a Fiorentina, não sentiu o peso de estar num grande clube. Seguro e bom nas bolas aéreas, Nastasic já deixou inclusive o consagrado Kolo Touré para trás como opção à defesa titular. Muito promissor. Já ganhou inclusive o prêmio de jogador do mês no clube.

Destaque: Bola aérea e boa saída de jogo.


6-      David Alaba (Bayern de Munique-ALE)

     20 anos. Meio campista de formação, Alaba, austríaco nascido em Viena, foi deslocado para a lateral esquerda pelo técnico Jupp Heynckes e se firmou na equipe principal do Bayern. Rápido, vai com muita qualidade tanto para a linha de fundo como para o meio. Após atuar como meio-campista e winger pelos dois lados Alaba se solidificou como lateral-esquerdo.

Destaque: Apoio ao ataque.


7-      Wellington Silva Sanches Aguiar (Wellington Nem) (Fluminense-BRA)

      20 anos. Em 2011, Wellington Nem era tão somente uma das várias promessas do Fluminense. Eis que veio um providencial empréstimo ao Figueirense. Lá teve chances e foi a revelação do campeonato. De volta ao Flu, Nem teve que enfrentar a concorrência de jogadores do quilate de Wagner, Thiago Neves, Deco e Rafael Sóbis. Com muita personalidade, o abusado jogador cavou seu espaço e foi muito importante na conquista do campeonato brasileiro. Insinuante, chegou inclusive à seleção brasileira.


Destaque: Velocidade e consistência.


8-      Fernando Lucas Martins (Grêmio-BRA)

      20 anos. Foi no Mundial Sub-20 de 2011 que Fernando começou a ser conhecido. Dono de uma capacidade de desarme impressionante e boa saída de jogo, o volante gremista caiu nas graças da torcida e do técnico Vanderlei Luxemburgo, foi titular o ano todo, tendo tanto destaque que chegou a seleção principal.




Destaque: Desarme.


9-      Frederico Rodrigues Santos (Internacional-BRA)

      19 anos.  Tornar-se titular numa equipe como Internacional não é tarefa das mais fáceis. Agora, se tornar titular do Internacional, num momento em que o clube possui atletas do nível de Dátolo, D’alessandro, Fórlan, Dagoberto ou Leandro Damião é quase impossível. E foi o que aconteceu com Fred. Autor de 6 gols e 5 assistências, o meia-atacante canhoto de grande habilidade foi talvez o único destaque do clube na pífia campanha no brasileiro.


Destaque: Técnica.


10-    Francisco Román Alarcón Suárez (Isco) (Málaga-ESP)

     20 anos. Apontado como o novo Iniesta, Isco Alarcón, iniciou sua carreira no Valencia. Sem espaço foi para o Málaga. Dono de excepcional condução de bola e visão de jogo é um dos jogadores de maior potencial no mundo hoje. Tem o estilo espanhol de jogo. Dono de muita técnica parece ter “cola nos pés”. É questão de tempo para que este meia destro integre a seleção espanhola. Acaba de ganhar o prêmio de melhor jovem do ano atuando na Europa.


Destaque: Condução de bola.


11-   Marco Verratti (PSG-FRA)

     20 anos. Seu 1,65m não condizem com a grandeza de seu futebol. Volante de grande técnica, bom passe e visão de jogo, é apontado com o sucessor de Pirlo na Squadra Azzurra. Disputado na última janela de transferências, o jovem revelado no Pescara, escolheu o novo rico PSG onde tem sido titular e contribuindo com 3 passes para gols.




Destaque: Visão de jogo e passe.


12-   Raphaël Varane (Real Madrid-ESP)

      19 anos. Nascido em Martinica, este zagueiro iniciou a carreira no Lens e conta com o apreço de José Mourinho. Veloz e com bom tempo de bola, já atuou como volante, e nos últimos dias chegou a atuar pela lateral direita também. Aos 19 anos integrou todas as seleções francesas desde o sub 18. Já conta com convocações para a seleção principal, mas ainda não estreou.



Destaque: Tempo de bola.


13-   Jano Ananidze (Spartak Moscou-RUS)

    20 anos. Georgiano. Este franzino meia-atacante assumiu nesta temporada a condição de titular em seu clube, mas há tempos promete. Apesar de inconstante e de sofrer com lesões, tem momentos de muito brilho, com muita facilidade para se livrar de marcadores e com boa batida na bola, é uma grande ameaça, podendo atuar tanto como meia central quanto pelos lados. Já conta com 16 partidas por sua seleção.



Destaque: Drible e chute.


14-   Erik Lamela (Roma-ITA)

      20 anos. Desde sua saída do River Plate, o argentino Lamela não para de evoluir. Titular na Roma, ocupa a faixa direita do ataque. Possui uma perna esquerda muito especial. Sua capacidade de aproximação da área tem lhe rendido muitos gols, em 14 jogos já são 10 gols. É muito intenso e participativo e tem sido vital para o clube da capital italiana.



Destaque: Intensidade.


15-   Julian Draxler (Schalke 04-ALE)

     19 anos. Julian Draxler é um meio campo possuidor de uma característica muito peculiar. Não é aquele jogador cerebral, estático na faixa central do campo. Sua qualidade principal é seu jogo vertical, alternando os lados do campo (com alguma preferência por atuar pelo lado esquerdo). Joga sempre em direção ao gol, além disso, gosta e tem como um dos seus principais atributos a finalização de média/longa distância. Já faz parte da seleção alemã. Outro ponto forte de seu jogo é a facilidade para usar os dois pés.



Destaque: Finalização de média distância.


16-   Jordy Clasie (Feyenoord-HOL)

    21 anos. Futebol de extrema personalidade. Isso é uma das maiores características de Clasie. Este volante que também pode atuar mais à frente traz consigo um estilo de jogo raro e precioso. Joga com muita técnica e com um estilo aguerrido. Destaca-se tanto na recuperação de bolas quanto na distribuição. Não tem bola perdida. Já integra a seleção holandesa.


Destaque: Força e técnica.


17-   Ricardo Centurión (Racing-ARG)

     19 anos. Meia esquerda destro. Essa promessa argentina demonstra muita facilidade para jogar no flanco esquerdo. Tem facilidade tanto para se dirigir para o centro e bater com a perna direita quanto para chegar à linha de fundo e cruzar com a esquerda. É muito rápido e hábil, mas também precisa melhorar alguns aspectos de seu jogo. É por vezes muito individualista e improdutivo. Mas tem muito talento.


Destaque: Drible.


18-   Marco van Ginkel (Vitesse-HOL)

      20 anos. Van Ginkel é um holandês de um futebol de muita classe. Alto, 1.86m tem facilidade tanto para assistir seus companheiros quanto para marcar gols. O jogador mostra ainda muita capacidade de atuar perto da grande área adversária, o que tem lhe rendido muitos gols. Tanto com os pés quanto com a cabeça. Faz parte da seleção holandesa, e receio que os torcedores do Vitesse não o terão por muito tempo, já marcou 4 gols e proveu 6 passes para gols no campeonato holandês.



Destaque: Aproximação.


19-   Moritz Leitner (Borussia Dortmund-ALE)

      20 anos. Versatilidade. Essa é uma das marcas fortes de Moritz Leitner meio-campo multifuncional alemão. Tem se tornado uma espécie de 12º jogador do Borussia Dortmund. Meia central por preferência, pode atuar em qualquer posição do meio. Dessa forma tem entrado no decorrer de grande parte dos jogos do atual bi-campeão alemão. Tem bom passe e tem facilidade para dar opção para seus companheiros.



Destaque: Versatilidade.


20-   Kevin De Bruyne (Werder Bremem)

      21 anos. O talentoso meia-atacante belga tem sido um dos principais jogadores do Werder Bremem no campeonato alemão.  Se o time não faz um bom campeonato ocupando apenas a 12ª colocação, o habilidoso meia de bom passe e finalização, está em boa forma tendo marcado 4 gols e dado 5 passes para gols em 17 partidas. Além disso,  já na última temporada esteve muito bem no Genk de seu país. No Campeonato belga 2011/2012 marcou 8 gols e deu 10 assistências. Seu futuro já está ligado ao poderoso Chelsea, clube onde tem contrato até 2017.


Destaque: Técnica, drible e chutes à distância.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...